Seu navegador tentou rodar um script com erro ou não há suporte para script cliente.
Início do conteúdo
Página inicial > Comunicação > Notícias > Curso visa ao aperfeiçoamento em apoio matricial na atenção básica
RSS
A A A
Publicação:

Curso visa ao aperfeiçoamento em apoio matricial na atenção básica

Diretora da ESP/ RS participa da mesa de abertura do curso
Diretora da ESP destaca a importância do curso para o fortalecimento da atenção básica - Foto: Ana Fumegalli

O primeiro encontro presencial do Curso de Aperfeiçoamento em Apoio Matricial na Atenção Básica, com ênfase nos Núcleos de Apoio à Saúde da Família (Nasf), foi realizado nesta quinta-feira, 29, no auditório da Escola de Saúde Pública do Rio Grande do Sul (ESP/RS). Reunindo em torno de 60 profissionais de saúde do Estado com atuação  direta nos NASF ou na atenção básica, o curso é semipresencial e conta com carga horária de 180 horas, com 100 horas à distância e 80, de forma presencial, com duração estimada em sete meses.

Desenvolvido e realizado pelo Ministério da Saúde em parceria com a Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Aroucae, no Estado,contando com o apoio da ESP/RS, o cursotem sua metodologia elaborada a partir dos problemas e desafios concretos dos Nasf com o objetivo de ser uma estratégia de qualificação do processo de trabalho e da gestão dos núcleos, visando a melhoria da resolutividade da atenção básica e a impactos positivos na rede de atenção loco regional. O curso, será realizado de maio a dezembro deste ano, com encontros presenciais  que ocorrem  de forma descentralizada com turmas em todos os estados.

A diretora da ESP/RS, Waleska Antunes da Porciúncula Pereira,destacou a importância do curso como uma estratégia que contribui para o fortalecimento da atenção básica. “Só mudaremos cenários se os trabalhadores  estiveremsensibilizados e preparadostecnicamentepara atuar positivamente no aperfeiçoamento das práticascom reflexosno atendimentoàsdemandas de saúde dapopulação”.

Ao destacar a relevância do curso, Olavo Fontoura, do Departamento de Atenção Básica do Ministério da Saúde,explicou que a ação tem por objetivo qualificar os processos de trabalhopor meio de uma metodologia  que contemple as diferentes realidades regionais e locais. Segundo ele, oapoio matricial, um arranjo preconizado para o trabalho compartilhado, traz em sua estruturação a potencialidade de reduzir a fragmentação da atenção e de promover a constituição de uma rede de cuidados que aumente a qualidade e a resolutividade das ações em saúde.

O curso de apoio matricial integra um  conjunto de iniciativas do Departamento de Atenção Básica para cuidar da população no ambiente em que vive, nele estão incluídos a Estratégia Saúde da Família, o Programa de Requalificação das Unidades Básicas de Saúde; Programa Nacional de Melhoria do Acesso e Qualidade na Atenção Básica (PMAQ-AB); Programa Telessaúde Brasil Redes; Equipes de Consultórios na Rua; Programa Saúde na Escola (PSE); Projeto de Expansão e Consolidação da Estratégia Saúde da Família (PROESF), entre outros.

 

Endereço da página:
Copiar
ESCOLA DE SAÚDE PÚBLICA